Encontro de Graffiti do Distrito Federal

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Distrito Federal – O Encontro de Grafite do DF será na próxima semana, de 26 a 28 de maio. Uma boa oportunidade para conhecermos melhor a galera que deixa nossa cidade mais colorida. Hoje, vamos falar da grafiteira Brixx.

Aos 29 anos, Brixx Furtado iniciou sua carreira ao observar a cidade e, então, criou interesse pelos desenhos que via. A arte foi um escape que encontrou por ser muito tímida e pelas dificuldades de se relacionar com as pessoas. “O grafite foi uma ferramenta. Foi um meio de me comunicar melhor e me desenvolver de outra forma com o que eu faço”, diz. Ela se lembra da primeira vez que levou sua arte às ruas e das sensações mistas. “Eu fiquei muito apreensiva de dar algo errado, porque era crime. Mas foi uma sensação muito boa.”

Ser mulher em um ambiente predominantemente masculino ainda apresenta dificuldades, principalmente nas ruas. Brixx conta que, às vezes, tem que enfrentar situações barra-pesadas como o assédio. Para ela, é uma sensação muito ruim não receber o devido respeito por uma questão de gênero. Ela relata que a insegurança está sempre presente quando tem que ir sozinha montar seus desenhos. Em projetos maiores, ainda há a falta de inclusão de mais mulheres e elas não recebem a devida atenção. “Eu acredito que ser grafiteira é um ato de resistência. O machismo existe em todas as coisas e no grafite não é diferente. A mulher, para se manter no grafite, tem que ser forte”, declara.

Comentar

Um comentário em “Encontro de Graffiti do Distrito Federal

  • 21 de setembro de 2017 em 16:29
    Permalink

    Fazendo uma visitinha por aqui.
    Depois da uma passada na minha página que eu tenho algo muito bom mesmo, vale apena conferir.
    Abraço

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×
%d blogueiros gostam disto: